fbpx Skip to content

05 de agosto: Dia Nacional da Saúde

Dia Nacional da Saúde

Dia 05 de agosto é comemorado o Dia Nacional da Saúde no Brasil. A data visa conscientizar a população sobre a importância da educação sanitária e do valor e cuidado com a saúde.

 

Dia Nacional da Saúde

O Dia Nacional da Saúde foi instituído através do Decreto de Lei nº 5.352, de 8 de novembro 1967,  escolhida em homenagem ao médico e sanitarista Oswaldo Gonçalves Cruz, que nasceu em 5 de agosto de 1872.

Oswaldo Cruz foi pioneiro no estudo de doenças tropicais e da medicina experimental, atuando no combate e erradicação das epidemias da febre amarela, peste bubônica e varíola, no final do século XIX e começo do século XX, no Brasil.

Em 1900, fundou o Instituto Soroterápico Federal, transformado em 1908 em Instituto Oswaldo Cruz (IOC), que existe até a atualidade.

Recentemente, o instituto teve importante participação na pesquisa e produção de vacinas para COVID-19.

O IOC atua nas áreas de pesquisa, desenvolvimento tecnológico e inovação e na prestação de serviços de referência para diagnóstico de doenças infecciosas e genéticas e controle de vetores, a fim de garantir os padrões de biossegurança, de qualidade e de gestão ambiental.

 

O que é educação sanitária?

Educação sanitária é uma prática educativa cujo objetivo é induzir a população a adquirir hábitos que promovam saúde e evitem doenças.

Por exemplo, na ausência das vacinas, o uso de máscaras de proteção, a higienização das mãos e as medidas de isolamento social, foram instrumentos importantes de educação sanitária para evitar a transmissão do coronavirus.

A educação sanitária é um instrumento importante de cuidado com a saúde da população, como também para reduzir o risco de doenças que porventura colapsem o Sistema Único de Saúde (SUS) e até mesmo hospitais particulares, como ocorreu recentemente com a pandemia de COVID-19.

Pequenas atitudes que se pode ter no dia a dia a fim de cuidar da saúde, e evitar contrair e disseminar doenças, são:

 

  • Manter as mãos sempre higienizadas
  • Higienizar bem os alimentos e utensílios culinários
  • Estar com as vacinas em dia
  • Ter cuidados com a caixa d’água na prevenção da dengue, chikungunya e zika vírus
  • Embalar bem o lixo para evitar proliferação de vetores de doenças
  • Reciclar o lixo
  • Recusar embalagens desnecessárias
  • Usar máscara de proteção contra o COVID-19 em locais muito movimentados

 

Como cuidar da saúde?

O conceito de saúde foi definido pela OMS através da Constituição da Organização Mundial da Saúde (OMS/WHO) de 1976 e diz que: “Saúde é um estado de completo bem-estar físico, mental e social e não consiste apenas na ausência de doença ou de enfermidade”.

Mas nem todas as pessoas têm um sistema de saúde adequado no seu município ou conseguem viver sem preocupações. O conceito de saúde não é uma condição fácil de ser alcançada por todos.

Até porque, a saúde e o bem-estar devem ser conseguidos não apenas por meio da prevenção e tratamento de doenças, mas pela qualidade de vida. Ou seja, no reconhecimento do direito à saúde de cada cidadão e da obrigação do Estado em promover e proteger a saúde da população.

Conforme a Lei Orgânica da Saúde, a saúde é um direito fundamental do ser humano que deve ser garantido pelo Estado, e engloba: alimentação adequada, moradia, saneamento básico, meio ambiente, trabalho, renda, educação, atividade física, transporte, lazer, e acesso aos bens e serviços essenciais.

Por isso é importante pensar em todos os direitos como cidadãos, já que tudo está conectado quando o assunto é saúde e qualidade de vida.

Algumas formas de como cuidar da saúde, garantindo o bem-estar individual e coletivo são:

  • Beber ao menos 2 litros de água por dia
  • Manter uma alimentação saudável
  • Optar por comida caseira
  • Cozinhar com a família
  • Movimentar-se mais e/ou praticar exercícios físicos
  • Ir ao médico regularmente
  • Fazer a higiene do sono para dormir melhor
  • Controlar o estresse ao cuidar da saúde mental
  • Ter uma boa relação com amigos e familiares
  • Tratar bem as pessoas à nossa volta
  • Ter uma visão positiva diante das situações
  • Evitar hábitos prejudiciais
  • Não fazer uso de cigarro, bebidas alcoólicas, jogos e celulares em excesso
  • Buscar conhecimento através de livros e cursos
  • Pesquisar e escolher bem os representantes políticos que garantirão os direitos propostos pela Lei Orgânica da Saúde.

 

Conclusão

E aí, gostou deste post? Você já sabia que dia 5 de agosto se comemorava o Dia Nacional da Saúde?

A educação sanitária e o cuidado com a saúde nada mais são do que práticas individuais que garantem a saúde não apenas individual, mas também coletiva. Afinal, como bem diz o ditado: é melhor prevenir do que remediar.

Não deixe de conferir mais posts no nosso blog relacionados ao assunto:

Fernanda Furmankiewicz (CRN/SP 6042) – Nutricionista e Curadora da Boomi

1

Ver carrinho