fbpx Skip to content

Sabia que o desenvolvimento do paladar começa na gestação?

desenvolvimento do paladar

Você sabia que o desenvolvimento do paladar começa ainda durante a gestação? Lá por volta da 12ª semana de vida (ainda no útero), o bebê em formação já tem capacidade de sentir gostos por meio do líquido amniótico. 

Mas é após o nascimento que o paladar se desenvolverá realmente. Os sabores mais adocicados (como o do leite materno, por exemplo) e salgados são os que terão preferência; enquanto, em contrapartida, os sabores amargo e azedo normalmente não são tão bem aceitos nessa fase.

Já mencionei o leite materno, vale destacar a sua enorme importância não somente para a nutrição do bebê, mas também por oferecer uma gama de sabores para o paladar em desenvolvimento da criança.

Você sabia que a composição do leite é influenciada pela alimentação da mamãe? Assim, quanto maior é a variedade de alimentos que a mãe ingere, maiores são as alterações na composição do leite, o que reflete diretamente na variedade de “sabores” que este leite vai oferecer para o bebê.

Algumas pesquisas apontam inclusive que crianças amamentadas com leite materno acabam aceitando mais facilmente uma variedade maior de alimentos que lhe são oferecidos quando comparadas com aquelas que receberam exclusivamente algum tipo de fórmula ou outro tipo de leite.

Viram, mamães, como o comportamento alimentar dos pequenos está ligado à nutrição materna? Por isso a importância do cuidado com a alimentação, não somente durante a gestação, mas também no período de amamentação.

 

Vamos desmistificar o conceito de “paladar infantil”?

Quem nunca ouviu, quando um adulto não come determinado alimento considerado saudável, que ele tem ‘paladar infantil’? É um termo muito utilizado, mas que, na verdade, não refletimos a respeito. Já observou que quando nos deparamos com o famoso menu infantil em estabelecimentos, nos deparamos com hambúrguer, batatas fritas, macarrão, doces… Mas esse é realmente o paladar desenvolvido por uma criança ou imposto a ela?

Na internet, adoramos os vídeos fofos de crianças que lambem limão, fazem careta, e voltam a chupar a fruta novamente. Essas são demonstrações muito claras de que crianças menores são muito mais abertas à experimentação, ou seja, não tem um paladar definido que rejeite alimentos azedos ou amargos.

Os alimentos altamente palatáveis, principalmente os açucarados, vão sendo introduzidos pela família. Há diversos motivos para essa introdução, seja pela insegurança dos pais em não saber se a criança irá comer ou não, seja pela sociedade que acha comum dar um ‘docinho’ para experimentarem, seja pela enorme quantidade de propagandas voltadas para o público infantil desses tipos de alimento.

Portanto, o ‘paladar infantil’ é um mito, já que o paladar da criança é seduzido e induzido a preferir determinados alimentos. O que fazer então? Os bons hábitos devem ser lembrados: tenha uma alimentação balanceada, saudável e rica em nutrientes, com baixo teor de açúcar e gordura, e transmita esse costume ao seu filho. Incentive a experimentação, a aprendizagem e o toque aos alimentos naturais. E repense: qual é o cenário alimentar que as crianças estão introduzidas? Fica a reflexão!

 

Você sabia que o desenvolvimento do paladar começa na gestação? Se esse conteúdo foi relevante para você, compartilhe ele com os seus amigos ou em suas redes sociais.  ⠀

————————————————–

Texto escrito por: Carol Albuquerque – CRN 50858

Mestre em Nutrição do Nascimento à Adolescência pelo Centro Universitário São Camilo. Aprimoramento em Nutrição, Saúde Pública, Consumo e Comunicação pela Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto – Portugal.

Curso Desenvolvendo cidades saudáveis para reverter a obesidade e doenças crônicas não transmissíveis – Columbia University – New York. Formação em Intuitive Eating Pro Skills Training Teleseminar com Evelyn Tribole. Mindfulness-based intuitive eating pelo Programa Eat for life com Lynn Rossy vice-presidente do Centro de Mindful Eating – Califórnia.

Rua José Antonio Coelho, 801
Térreo – Sala 2 – Vila Mariana
São Paulo – SP
11 97498-6907
[email protected]

Logo do Instagram PNG [Fundo Transparente]

Confira outros conteúdos da Carol Albuquerque.


1

Ver carrinho